Dez curiosidades sobre a atriz Fernanda Montenegro, que completa 90 anos nesta quarta (16)

Nesta quarta (16), a atriz Fernanda Montenegro completa 90 anos. Não por acaso tem recebido diversas homenagens, que incluíram um episódio especial no “Globo Repórter” e uma placa fixada ao palco do Teatro Sesc Ginástico.

Dona de uma das carreiras artísticas mais consolidadas no país, tendo sido indicada ao Oscar de Melhor Atriz em 1999, a veterana também é locutora, radialista e apresentadora de TV.

Para celebrar seu aniversário, reunimos dez curiosidades sobre a atriz.

Nome verdadeiro

Registrada Arlette Pinheiro Esteves, a atriz inventou ser Fernanda Montenegro após iniciar a vida artística na TV Tupi e lhe pedirem um nome mais forte, pois Arlette era algo muito comum. Para Fernando Torres, seu companheiro por 56 anos, ela só revelou o verdadeiro nome depois de o relacionamento engrenar. Foi daí que surgiu o nome de Fernanda Torres, pois o ator queria uma “Fernanda verdadeira” na família.

A história do vestido de noiva

Fernanda se casou em 6 de abril de 1953, na pequena igreja de São Cristóvão. À época, aos 23 anos (Fernando tinha 26), teve o vestido emprestado por Eva Todor. Ela era virgem e se orgulha de ter sido mulher de apenas um homem.

Professora

A aula que a atriz ministrou para alunos da Casa de Artes de Laranjeiras (Cal) inspirou o diretor de TV Herbert Richers Jr. a criar uma canção sobre o cotidiano do artista. Chamada “O viajante das almas”, foi musicada por Francis Hime em 1986.

Um pé na política

Em 1985, Fernanda foi convidada a ser ministra da Cultura do governo do presidente José Sarney. Diante do alvoroço causado nos noticiários, a atriz preparou uma longa carta, escrita na máquina de escrever do amigo Manoel Carlos, recusando o convite.

Coração tricolor

Fernanda Montenegro torce para o Fluminense.

As gestações

A veterana teve hemorragia durante quatro meses de cada uma de suas gestações. Cláudio nasceu de parto normal. Nanda veio ao mundo numa cesariana.

Sangue artístico

Avô materno de Fernanda Montenegro, o italiano Pedro Niedo trabalhou na construção do Theatro Municipal do Rio. Fernanda, no entanto, nem chegou a conhecê-lo.

Flores

As preferidas da atriz são as orquídeas.

Locutora

Na adolescência, a principal diversão de Fernanda era ouvir música clássica na Rádio MEC, onde trabalharia como locutora alguns anos depois, em 1944.

Pioneira no Emmy

Em 2013, Fernanda Montenegro tornou-se a primeira atriz latino-americana a ganhar o Emmy (considerado o Oscar da TV). A conquista foi por seu papel como a Dona Picucha de “Doce de mãe”.

16/10/2019

(Visited 1 times, 1 visits today)